Fruto Podre – Novos Autores

Fruto Podre é uma distopia fantástica, onde a autarquia prevalece e uma jovem súdita descobrirá quais são os frutos de se ter salvado a vida do rei.

A Grande Planície é um mundo distópico dividido em três partes, a primeira é Lunaelumen, lar dos Hyacinthums, uma raça inferior que vive em casebres empilhados e cercados por um mar de árvores. A segunda cidade fica à alguns quilômetros dali, pairando no ar entre as nuvens, está Soberania, lar do rei Solis e da raça dos Albas, seres mais distintos e privilegiados.

Embora haja muitas diferenças, essa distopia nos remete, em seu início, a lembrarmos do famoso Jogos Vorazes, mas isso é apenas pela crítica social que fica evidente em ambas as obras.

A terceira cidade fica ainda acima de Soberania. Celestial é destinada apenas a intelectos muito desenvolvidos chamados de Os Evoluídos. A cidade Celestial é lugar para poucos e cercada de mistérios.

A vida em Lunaelumen assemelha-se em muitos momentos ao período feudal, onde camponeses trabalham com afinco na esperança de um dia serem sorteados e contemplados com o “passe prateado”, que dá o direito à um Hyacinthum de viver entre os Albas.

É neste mundo que Luna vive com sua mãe e dois irmãos. Em certa ocasião o rei Solis, em visita a Lunaelumen, é atacado por misteriosos seres encapuzados. Um tumulto generaliza-se e Luna já se vê reagindo e contra-golpeando os agressores. Por ter recebido algum treinamento, seus reflexos a ajudam a frustrar a tentativa de sequestrar o rei.

Por seu ato heroico a garota recebe o tão almejado “passe prateado”. Ela precisa deixar a família em Lunaelumen para viver em Soberania. Agora, colhendo os frutos de ser a salvadora do rei, Luna é paparicada com festas e mimos mas, seguindo seus instintos a jovem desconfia que há algo de errado com aquele lugar e decide descobrir quais são os segredos que Soberania esconde.

Fruto Podre, do autor Mayko Martins dos Santos ou M. M. Santos, como assina a obra, faz com que o leitor questione o que, de fato, faz com que alguém se torne heroi ou vilão, exercendo a função de juiz para decidir quem é quem nessa história recheada de suspense e descobertas. Descobertas que deveriam permanecer nas sombras.

Ficou curioso? Você pode acompanhar as aventuras da jovem Luna gratuitamente no Wattpad, clicando aqui: Fruto Podre.

Em breve falaremos com o autor M. M. Santos que nos concederá uma entrevista exclusiva e logo teremos uma resenha completa de Fruto Podre. Não Perca!

Publicado por Evan Klug

Escritor, Redator, Roteirista, Produtor de Conteúdo para Web e Analista de Qualidade. Amante da literatura, super-heróis, boa comida e o bom e velho rock n' Roll.

4 comentários em “Fruto Podre – Novos Autores

  1. Estou choroso lendo essa matéria no Blog.
    Gratidão por cada palavra!

    Espero que os leitores gostem de cada capítulo, e, acima de tudo, que desvendem os mistérios de “Fruto Podre”…

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Crie seu site com o WordPress.com
Comece agora
<span>%d</span> blogueiros gostam disto: